Posts Tagged ‘expressão corporal’

25 atos de expressão corporal para evitar

31 de outubro de 2010

Traduzido e adaptado do original: http://www.marcandangel.com/2008/07/07/25-acts-of-body-language-to-avoid/

Nossa expressão corporal exibe de longe muitas informações sobre como nós nos sentimos que é possível articular verbalmente. Todos os gestos físicos que nós fazemos são subconscientemente interpretados por outros. Isso pode funcionar contra ou a favor, dependendo do tipo da expressão corporal que nós usamos. Alguns gestos projetam uma imagem muito positiva, enquanto outros mostram um tom negativo.

Muitas pessoas são totalmente alheias a sua própria postura corporal, então o ato de controlar esses gestos podem ser bastante desafiadores. A maioria deles é de natureza reflexiva, automaticamente correspondentes ao que nossas mentes estão pensando em um dado momento. No entanto, com informações certas e um pouco de prática, nós podemos treinar para superar muitos de nossos hábitos de linguagem negativa do corpo.

Pratique evitar estas 25 expressões corporais negativas:

  1. Segurar objetos na frente do seu corpo – uma xícara de café, notebook, bolsa etc. Segurar objetos na frente do seu corpo indica timidez e resistência, de modo que você está se escondendo atrás dos objetos em um esforço para separar-se dos outros. Em vez de levar objetos à sua frente, leve-os ao seu lado sempre que possível.
  2. Verificar as horas ou inspecionar as unhas – um forte sinal de tédio. Nunca olhe paras horas no momento em que você está conversando com alguém. Da mesma forma, evite completamente o ato de inspecionar as suas unhas.
  3. Pegar fiapo de sua roupa – Se você pegar fiapo de suas roupas durante uma conversa, especialmente em conjunto e olhando para baixo, muitas pessoas irão assumir que você desaprova as suas ideias e / ou se sentirão inseguras em lhe dar uma opinião honesta. Deixe o fiapo sozinho!
  4. Acariciar seu queixo enquanto olha para alguém – “Eu estou julgando você!” As pessoas freqüentemente acariciam seu queixo durante o processo de tomada de decisão. Se você olhar para alguém quando você estiver acariciando seu queixo, ele pode assumir que você está fazendo um julgamento sobre a decisão deles.
  5. Estreitando seus olhos – Se você quer dar a alguém impressão de que você não gosta dele (ou suas ideias), estreite seus olhos quando olhar para ele. Ele imediatamente coloca uma expressão carrancuda no rosto. Um ligeiro estreitamento dos olhos é uma expressão instintiva e universal de raiva em várias espécies no reino animal (pense sobre as expressões de raiva dos tigres, cães, etc.). Algumas pessoas cometem o erro de estreitamento de seus olhos durante uma conversa, como um reflexo do pensamento. Não envie pessoas a mensagem errada… não estreite seus olhos.
  6. Estar muito perto – Isso só faz as pessoas se sentirem desconfortáveis. A maioria das pessoas consideram quatro metros quadrados de espaço ao redor de seu corpo ser um espaço pessoal. Atravesse essa linha invisível com bons amigos e companheiros íntimos apenas.
  7. Olhar para baixo na presença de outras pessoas – geralmente indica desinteresse. Algumas vezes é até interpretado como um casual sinal de arrogância. Sempre olhe para frente e faça contato com os olhos quando você vê alguém que conheça.
  8. Tocar seu rosto durante uma conversa – Tocar o rosto, especialmente no nariz, é geralmente interpretado como um indício de decepção. Além disso, encobrir a boca é um gesto comum que as pessoas fazem quando estão mentindo. Sempre mantenha as mãos longe do seu rosto quando você estiver falando.
  9. Forçar um sorriso – um outro sinal de artifício comumente visto no rosto de uma fraude. Um sorriso verdadeiro enruga os cantos dos olhos e altera a expressão de todo o rosto. Sorrisos falsos envolvem somente a boca e os lábios. É fácil distinguir entre os dois. Não se force a sorrir… a menos que seja para a câmera.
  10. Inclinar-se longe de alguém que você gosta – um sinal de estar entediado e desinteressado. Algumas pessoas podem também interpretar que significa: “Eu não gosto de você”. As pessoas normalmente se inclinam para perto das pessoas que gostam e longe das pessoas que não gostam. Isto é especialmente verdadeiro quando elas estão sentadas em torno de uma mesa. Se você se inclinar longe de alguém que você gosta, você está enviando a mensagem errada.
  11. Apoiar as mãos atrás da cabeça ou nos quadris – geralmente interpretado como um sinal de superioridade ou arrogância. Só use esses gestos quando está na presença de amigos íntimos.
  12. Não ficar diretamente de frente para a pessoa que você está conversando – Isto indica um certo nível de desconforto ou falta de interesse. Quando estamos felizes envolvidos em uma conversa, nós focamos os pés e os troncos para a frente da pessoa com quem estamos falando. Quando não estamos seguros da outra pessoa, ou não estamos completamente comprometidos com a conversa, temos a tendência de levar nossos pés e tronco para o lado. Fique com a face diretamente para frente durante uma conversa, para dar a impressão de que você está realmente interessado no que a outra pessoa está dizendo.
  13. Cruzar os braços – um sinal de resistência defensiva. Algumas pessoas também podem interpretar isso como um sinal de egoísmo. Tente manter os braços sempre abertos e ao seu lado.
  14. Mostrar uma postura lenta – Quando você está em um ambiente animado com pessoas, a sua postura se torna um sinal imediato revelador de sua confiança e serenidade. Sua postura, literalmente, faz um carrinho para você, entregando uma mensagem clara sobre como você deve ser tratado. Ela pode fazer uma diferença enorme na maneira como estranhos devem responder-lhe. Coloque os pés a uma distância confortável, mantenha os ombros para trás, cabeça erguida e cumprimente as pessoas com contato direto dos olhos e um aperto de mão firme.
  15. Arranhar a parte traseira de sua cabeça e pescoço – um sinal típico da dúvida e da incerteza. Também pode ser interpretado como uma indicação de mentira. Tente manter suas mãos longe de sua cabeça quando você está se comunicando com os outros.
  16. Brincar com o colar de sua camisa – Ele grita: “Eu me sinto terrivelmente desconfortável e / ou nervoso!” Mais uma vez, manter o controle de suas mãos. Não se inquiete.
  17. Aumentar sua taxa de piscamento – um claro sinal de ansiedade. Algumas pessoas começam a piscar os olhos muito rápido (em conjunto com um aumento do ritmo cardíaco), quando elas ficam nervosas. Como a maioria das pessoas tenta fazer contato visual, torna-se imediatamente óbvio para os outros. Esteja ciente de seu hábito de piscar quando você está nervoso, especialmente se alguém está olhando para você de uma grande proximidade.
  18. Inclinar seus ombros – indica baixa auto-estima. As pessoas associam os ombros com uma forte auto-confiança. Sempre puxe os ombros para trás. Não só você vai se olhar mais confiante, você se sentirá mais confiante também.
  19. Ficar de pé com as mãos cruzadas sobre suas genitálias – Essa postura casual quase garante que você vai perder um pouco de respeito antes mesmo de ter a oportunidade de falar uma única palavra. As pessoas que se sentem nervosas e inseguras de si, inconscientemente, tomarão uma posição guardada. Muito frequentemente, elas adotam uma postura que as guardam de uma das áreas mais vulneráveis, os seus órgãos genitais. Essa postura empurra os ombros para frente e faz todo o seu corpo parecer menor e mais fraco. Mais uma vez, tente manter suas mãos em seus lados e os ombros para trás.
  20. Sustentar a sua cabeça com as mãos – “Estou ficando entediado!” Nunca sustente sua cabeça com os cotovelos e as mãos durante uma conversa. Coloque suas mãos sobre a mesa na frente de você e mantenha em repouso.
  21. Enxugar as mãos suadas na sua roupa – um sinal de nervosismo frenético. Se suas mãos estão suando, basta deixá-las suar. Respire profundamente algumas vezes e tente relaxar.
  22. Sentar na borda de sua cadeira – uma clara indicação de estar mental e fisicamente desconfortável. É uma postura apreensiva que fará com que outros ao seu redor se sintam desconfortáveis também. Mantenha a sua extremidade traseira firmemente plantada na superfície do assento. Quando você se inclina para frente, use a sua volta, sem mover o seu traseiro.
  23. Tocar os dedos das mãos e dos pés – geralmente indica impaciência, stress ou tédio. Monitore seus hábitos e pratique manter seus membros em repouso.
  24. Usar suas mãos para brincar com pequenos objetos – uma caneta, bola de papel, etc., este é outro sinal de ansiedade. Também pode ser interpretado como uma falta de preparação. É sempre melhor manter as mãos confortavelmente em repouso quando você está na presença de outros.
  25. Mudar repetidamente o preso corporal de um pé para o outro – Este é um gesto que geralmente indica desconforto físico e mental. As pessoas também podem ver isso e assumir que você está pronto para abandonar a discussão, especialmente se você não estiver de frente para eles. Não mude o seu peso entre os pés mais de uma vez a cada 2 a 3 minutos.
25 atos de expressão corporal para evitar